14 de fev de 2013

Uma singela opinião sobre o Carnaval de Brasília

Foto Correio Web (Clique na imagem)

Não é a minha intenção dar um tom de deboche ao grande evento que foi o desfile de carnaval de Brasília. Sim, acreditem, não estou sendo irônica!

Primeiramente, muito me supreendeu não ver aquela 'chuva' de roupas de TNT que eu vi há anos atrás. Fantasias pomposas, carros maiores que eu imagina, aglomerado de pessoas com seus apetrechos iguais, algumas centenas de pessoas na arquibancada, uma mega estrutura e tranquilidade. A passarela da alegria não podia ser mais familiar.

Não assiti todas as escolas, mas as que assisti foram o suficiente para meu desejo secreto de ser carnavalesca aflorar com mais fervor. De Brasïlia pro mundo (ou melhor, Rio de janeiro! hihi)

Nao tem excesso de mulheres semi-nuas. Mas a maioria que se propôs a mostrar o útero, não são nada saradas. Aliás, como postei no twitter, no auge das minhas gorduras localizadas, eu não faria feio se tivesse tal necessidade de exibicionismo! hahaha

Mas o pior do meu relato esta por vir: até agora ainda me indago sobre o sexo de algumas muitas passistas! No desfile do grupo de acesso, na segunda-feira, a primeira passista mais magrinha me tirou um 'finalmente' e, logo em seguinda um 'pera ai, tem algo de errado!' hahahaha

A minha poker face maior era pelo simples fato que, cada vez mais, apareciam mais travestidos, nas mais diversas facetas do desfile, cumprindo muito bem o papel que lhe foi proposto, chegando a sambar na cara de algumas musas.

A grande ganhadora do carnaval deste ano, a Acadêmicos da Asa Norte foi a primeira e talvez a unica escola que eu vi o "comum" mulata passista. Não que nas outras não tinham, mas mulheres com esta característica não eram a grande maioria.

Além da dúvida do sexo das passistas, o que mais me abismava era o fato de muitas escolas de samba terem uma rainha de bateria sem sal. Acho que sem sal não é o termo certo... mas o que eu posso dizer é que nem sempre a passista mais bonita, carismaáticas e com verdadeiro samba no pé era a rainha de bateria. Acho isso meio confuso. A rainha não deveria ser a que samba melhor e tudo mais, já que essa lengalenga de famosas neste posto não funciona aqui?

Enfim, estou treinando para virar expert em Carnaval para ser carnavalesca quando eu crescer. 
Ester Sabino
Ester Sabino

Gosto de muitas coisas, e cada coisa que compartilho aqui são para, na verdade, guardar coisas que me fazem bem.

Um comentário:

  1. Olá passei no teu blog e fiquei, ótimas dicas já estou seguindo
    Te convido a conhecer meu cantinho tbm, agora com domínio próprio bjs
    http://www.erikakikasouza.com/

    ResponderExcluir

Comente nesse post! Não se preocupe, visito todos os blogs que deixarem o link aqui :)